Robbie Jacks

Bom, não dá pra dizer que me sinto do mesmo jeito que há 1 ano atrás. Se 2015 fosse um parque de diversões, seria um "Terra Encantada": largado à própria sorte, vazio, monótono e com alguns perigos em potencial.

No entanto, ele também escondeu passagens secretas e festas clandestinas. Reza a lenda que, vez ou outra, foi possível ouvir ecos de milhares de risadas descompassadas, de adultos e crianças que deixaram um pouco de suas almas ali.

Há também quem jure de pé junto que, no meio da madrugada, ouviu o ranger dos carrinhos estremecendo os trilhos da montanha-russa, sentiu o delicioso aroma da pipoca e do algodão-doce, se assustou com os sussurros do trem-fantasma, e até sentiu uns respingos do lanche mal digerido de algum pobre coitado preso lá em cima, no Evolution.

2015 foi um parque de diversões abandonado: está tudo lá, só que com uma grande fita amarela que afugentou  os pagantes comuns. Somente os aventureiros mais intrépidos foram capazes de extrair do meu 2015 alguma centelha de vida. Fagulhas essas que renderem foi fogo, não tenho que me queixar. Let it burn, baby, let it burn!

2015 esse amontoado de coisas de que, olhando agora, não pareceram nem um pouco amontoadas. Ele passou como um flash, e não posso dizer que não estou agradecida por isso. Foi um ano bem 'blé', com alguns 'mimimi' e muito 'hahahahahaha'. Tive uma cota de 'buááá' para fazer inveja a qualquer reservatório, chorados com o vigor do pulmão de um recém-nascido. Recém-morri no final de 2014 e só recém-nasci de novo no final de 2015. Mas valeu. Fiquei quietinha, me embalando à noite, me encorajando de manhã, me dizendo para levar a vida, só mais um dia, só mais um dia. E o dia finalmente chegou.

Que em 2016 os risos voltem a ecoar com força, de verdade, e sem parar. Que as guloseimas nunca deixem de me inebriar. Que só os fantasmas me assustem, que o choro seja de felicidade e que, se for para passar mal, que eu tenha sempre um Eparema na bolsa e um amigo à mão. E que tudo fique em paz. Não por abandono, e sim por plenitude. Feliz ano-novo!
Marcadores: , , , , 0 comentários | | edit post
Reações: 
Robbie Jacks


Acordei descabelada, como todas as manhãs, e fui tomar meu nescau. Liguei meu celular despretensiosamente, só para checar a atividade do dia anterior (vai que alguém importante resolve me mandar mensagem de madrugada?). Constatando que ninguém se lembrou de mim às 3 da manhã, resolvi dar uma passada básica no Tinder, pra ver o nível da galera.

Desliza pra esquerda, desliza pra esquerda, desliza pra esquerda, ai meu dedo, desliza pra esquerda, que mania esses caras têm de tirar foto do peitoral, desliza pra esquerda, mais um cara que surfa não, desliza pra esquerda, Prestobarba tinha que fazer uma ação de marketing aqui, desliza pra esquerda, Beyoncé já tá cantando "To the Left", desliza pra...

PARAAAA! Que que eh isso aqui, meu Deus? Que escultura, que entalhe, que detalhe, parece alguém que eu conheço... Opa, é o Kevin dos BACKSTREET BOYS a 14km de distância da minha pessoa??

Gente, não cri na minha sorte. Sob a alcunha de "Felipe, 29 anos", estava nada mais, nada menos do que meu ídolo desde os 15 anos! E ele estava logo ali, talvez pelo Méier, ou dando um rolê em Rocha Miranda, talvez tomando um pingado na feira de São Cristóvão. Dei logo um Super Like pra ele me notar, né? Apesar de a gente ter se conhecido no começo do ano e termos passado momentos maravilhosos na companhia um do outro, achei que ele talvez não fosse se lembrar de mim...

Mas ele me curtiu de volta, que emoção!! Já fui dando um "hi" pra não perder tempo, e ele me disse "oi linda" de volta. Aaaaaai, gente! Isso às 7 da manhã, e eu achando que meu dia ia ser banal...

Perguntei "how are you", com meu inglês de Open English mesmo. Ele demorou para me responder, achei que tinha se arrependido de falar comigo, mas logo o aplicativo apitou.

"vc e muito linda"

AAAAAAAH! Kevin, assim eu fico vermelha! Fiquei tão nervosa que quase não consegui digitar.

"Você fala português, Kevin?"
"Pra vc eu falo"

Ploft, me joga pelo muro do cemitério!! Ele aprendeu português POR MIM, gente! 

Mas aí eu comecei a pensar: o que o Kevin estaria fazendo no Brasil que ninguém sabe? E pq o nome dele tava diferente no app? Não resisti e perguntei. 

"To no brasil de passagem linda vim t ve
O nome e p naum me acharem fala pra ning n ta"

Claro que não, Kevão! Seu segredo está salvo comigo! 

"Voce e gostosa p c********"

OPA! KEVIN, seu danadinho! Já está até familiarizado com as gírias brasileiras! O que a Kristen vai pensar???

"Kem?"

Tomei isso como um sinal de que queria resguardar sua futura ex-esposa. É um lorde esse meu Kevão.

"Gostosa manda nude"

Keviiiin, seu assanhado!! Ó, eu disse que mandaria, mas só se ele mandasse primeiro!! Jamais perderia a chance de ter um registro daquele corpo escultural que logo seria meu.

"Comigo eh aivivo eu mato a. Cobra e mostro o pau na hora k vc kiser"

Nesse ponto, gente, eu já não sabia mais o que fazer com tanta emoção. Já estava imaginando nossa casa, nossos filhos, ele matando cobras todas as noites e eu sendo obrigada a ver o pau incessantemente, maravilhosa. 

Já sinto o bafo quente da boca das invejosas, destilando veneno e jurando que nosso amor é fake. Pedi para vê-lo e matarmos essa vontade louca de ficar junto.

"Por favor, Kevin, preciso muito te ver. Você é o homem da minha vida!"

..............

Ele demorou algumas horas pra responder.

"Ok,mas eu to um pko diferente da foto ta"

Claro que tá, meu lindo! Essa foto é velha, você está mais gato ainda! Lembra quando a gente se conheceu em julho? Então, nunca vi ninguém mais lindo em toda minha vida!

"Eh lembro"

"Então, vamos nos encontrar?"

Marcamos nosso encontro para o fim de semana, no calçadão de Madureira. Eu sei que o lugar é um pouco exótico, mas acho que ele não quer chamar atenção, por ser uma celebridade, e quer se misturar ao povo. Eu entendo. Ele disse que é um pouco mais baixo do que aparece na televisão (os empresários o fazem usar botas de salto para parecer mais alto), e que também está com alguns quilinhos a mais e perdeu um pouco de cabelo por causa da idade. Ah! Ele também disse que o sol do Rio deixou sua pele um pouco mais escura e enrugada, mas isso é normal. Para facilitar, ele vai estar usando crocs e pochete, mas é claro que não preciso de nada disso para reconhecer meu homem.  Vamos nos encontrar e vai ser lindo e eu não vou chamar nenhum recalcado para ir no backstage na próxima turnê do meu marido! Hunf!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...